Menu

sábado, 15 de novembro de 2014

Bate e volta em Toledo a partir de Madri

Fácil, rápido e barato. Ainda mais se for de ônibus. Fora que você vai visitar uma das cidades mais legais da Espanha:

Toledo!

Existe também a opção de ir de trem. Parece que demora 30 minutos. Mas o valor é bem mais alto: 20,15 euros para a ida e volta. Para mais informações, basta acessar o site da empresa espanhola de trens, a Renfe.

Já o ônibus, indo e voltando no mesmo dia, sai por menos de 10 euros por pessoa. Economia substancial. Ainda mais se pensarmos que o ônibus é bom e rápido. No site da empresa que faz o trajeto, a informação era que a vigem demoraria 1 hora. Fomos em 44 minutos e voltamos em 49. E o ônibus é confortável e fácil de pegar. Ele sai da estação de ônibus que fica na Plaza Elíptica. E não faltam ônibus e linhas de metrô que passam por lá.

Estação de ônibus da Plaza Elíptica.
A empresa que usamos é a Alsa. Tem a opção de comprar pela internet mas é bobeira, porque na porta da sala de embarque existem máquinas automáticas de venda. Elas aceitam cartão de crédito, moedas e notas. E como a passagem é aberta - você não compra para um horário específico e sim para o dia específico -, é só embarcar no primeiro ônibus que estiver saindo.

Só preste atenção para embarcar no certo. Em alguns horários, o ônibus vai parando pelo caminho, demorando uma hora e meia de viagem. Outras são diretos e demoram menos que uma hora. Ah, e a frequência é enorme. Sai ônibus de 30 em 30 minutos.

Dá para comprar na hora. 
Chegando em Toledo tivemos uma das melhores surpresas até agora pela Espanha: escadas rolantes para levar até o alto da cidade! Adoramos. A única coisa ruim de Toledo é exatamente ter que encarar a pé o morro para chegar no centro. Agora não precisa mais. Portanto, da estação de ônibus até a Plaza Zocodover no alto da cidade é mole.

As escadas rolantes saem praticamente na praça. Lá tem um ótimo centro de informação turístico, com mapas gratuitos mostrando todas as atrações e informações sobre os horários de funcionamento e preços das entradas.

Recomendo aproveitar para ir ao prédio da biblioteca,  que fica no antigo Alcazar da cidade (atualmente, é o museu do exército). Chegando lá, vá até a cafeteria do nono andar. Tem a melhor vista da cidade.

Depois, vá para o ponto de ônibus que fica em frente à entrada do museu do exército e pegue o ônibus 7.1 até seu último ponto, Mirador. É logo depois do ponto do hospital. Não tem erro. Custa apenas 1,40 euros a passagem.

Só passa de hora em hora. Pegamos o de 10:45. Super pontual.  
O ônibus para no mesmo mirante em que os ônibus hop on hop off, que custam 9 euros, e o Zocotren (o nome é porque ele sai da praça Zocodover), o trem turístico da cidade, que custa 5,10, param. Além de ser mais barato, de lá é tranquilo voltar caminhando para cidade. É só descida. E as opções para fotografar são inúmeras. E ainda dá para atravessar a ponte de Alcântara, uma das atrações da cidade.

Quem não quiser caminhar pode pegar o  ônibus turístico ou de trenzinho. Todos os dois passam na Plaza Zocodover. O ônibus passa também na porta da estação de ônibus e na de trem.

Da ponte é um pulinho para as mesmas escadas rolantes que levam para o alto da cidade. De volta, a gente simplesmente passeou por todo o centro, andando pelas ruelas e lembrando dos locais que já conhecíamos, passando por uma restaurante que adoramos em 2007, o La Abadia. Hoje ele está fora do nosso orçamento diário. Não é caro (15 euros o menu do dia), mas a gente acha que 30 euros rende muito mais no supermercado...

Também visitamos a praça da prefeitura, muito bonita e com belas vistas da catedral da cidade. A gente não visitou por dentro a catedral porque estivemos lá em 2007. De lá atravessamos novamente a cidade, desta vez por dentro, visitando o hotel que ficamos, e saindo do outro lado da cidade, pela ponte de San Martín.

Depois foi só contornar a cidade por fora, subir novamente por outro conjunto de escadas rolantes e terminar o passeio visitando a Mesquita de Cristo La Luz (isso é nome de Mesquita?), a Puerta do Sol e a Puerta de Bisagra, de onde voltamos para a estação de ônibus.


































Adoramos o dia. Foi ótimo rever a cidade depois de mais de 7 anos e, apesar de andarmos bem, foi quase sempre no plano ou em descida. Todas as vezes que subimos, foi de escada rolante.

Adoramos a evolução da cidade com suas escadas rolantes. 

2 comentários:

  1. Me encantei com a cidade muito linda e a influencia moura é imensa !!!!!!!!
    Escadas rolante???????? tudo de bom kkkkk
    Beijos e continuem postando

    ResponderExcluir
  2. Fantástico!! Os meninos têm que ir, AMAM escada rolante. Me deu muita saudade! Boa viagem!!
    Dani

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...