Menu

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

E o tempo voa: 2 meses em Brasília

Completamos o segundo mês em Brasília. E novamente novidades não faltam.

Nossa mudança chegou. E lógico que coincidiram várias coisas no mesmo dia. Uma super chuva, a colocação dos armários novos, o pessoal do condomínio querendo consertar os vazamentos do teto, uma confraternização da Lud no serviço e a nossa mudança.

Agora temos todas nossas roupas, nossos utensílios de cozinha e até alguns objetos de decoração que não tínhamos vendido em 2012. Some-se a tudo isso as últimas compras para quase terminar de arrumar a casa: um buffet (usado e comprado na OLX)  para ficar em baixo da tv e que está sendo ótimo para guardar as coisas que vieram de BH, um aspirador de pó, um liquidificador e uma batedeira.

Sim, agora estamos bem equipados. E usando tudo com muita frequência. Como a Lud não tem horário de almoço, todo dia leva de casa algo para comer no serviço rapidamente. E estamos nos saindo razoavelmente bem na cozinha. São basicamente 4 ou 5 pratos diferentes que sabemos fazer que duram as vezes até 3 dias. Mas como não somos de enjoar de comida gostosa, por enquanto está dando certo.

A casa está ficando bem mais limpa. O aspirador está sendo muito usado. Impressionante como tem poeira por aqui. E como o pessoal do condomínio disse que vem nesta semana pintar o teto da cozinha e da área, já vimos que ele continuará seus bons serviços.

E com isso completamos 2 meses sem precisar contratar ninguém até hoje para limpar a casa para a gente. Não é que o que aprendemos no sabático está sendo posto em prática? E acho que está dando certo. Andamos cozinhando, limpando tudo por conta própria e ainda firmes na decisão de não comprar um carro.

Para fechar o mês, recebemos nossa primeira visita. Uma amiga da Lud vinha trabalhar em Brasília pós feriado de Finados e conseguir chegar no domingo para ficar um tempo com a gente. Passou dois dias e uma noite conosco. Como ela já tinha vindo à cidade, mas nunca tido tempo de passear, aproveitamos para experimentar a opção de alugar um veículo. Nós a buscamos no aeroporto, onde pegamos o carro reservado.

Passamos domingo e segunda motorizados e indo para cima e para baixo. Pena que o tempo não ajudou muito. Foram exatamente os dias mais chuvosos até agora desde quando voltamos para cá. Mas deu para curtir muito. E, no final, achamos que ficou mais em conta do que andar de táxi.

Segunda a visita, nossa casa foi aprovadíssima. Os próximos visitantes podem vir que as portas estão abertas.

A sala está praticamente pronta.

Esse sofá é uma delícia. Super achado da Lud.

E levando a visita para passear

Nas poucas horas do feriado que não choveu

Final do dia na beira do lago.